Secretário de Micro e Pequena Empresa de Pernambuco faz reunião na FIEPE em Petrolina para ouvir demandas de pequenos empresários da região

O secretário estadual de Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação, Alexandre Valença, esteve em Petrolina (PE) nesta quarta-feira (3) para um encontro com representantes dos setores de indústria e comércio do Sertão do São Francisco. A reunião aconteceu na sede da Unidade Regional da Federação das Indústrias de Pernambuco (URSF/FIEPE), no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho, e teve como objetivo ouvir as principais demandas dos pequenos empresários da região.

A passagem de Alexandre Valença por Petrolina acontece em meio a uma série de visitas que ele tem feito às cidades do interior pernambucano. Além de ouvir as necessidades dos empreendedores, o titular de Micro e Pequena Empresa apresentou duas ações que a secretaria deve desenvolver até 2017. “Um dos nossos objetivos, que já é realidade e que vamos levar para a região do Araripe e do Sertão do São Francisco, é a capacitação profissional para os polos vidreiros desses lugares e onde há uma demanda muito grande. Também acionaremos entidades, como SESI e SENAI, para nos ajudarem com o projeto ‘Varejo pra Valer’, que vai qualificar, aqui na cidade, gestores e trabalhadores, buscando melhorar sua produtividade”, adiantou.

Tiraram dúvidas com o secretário e apresentaram algumas prioridades para a região, o diretor da unidade regional da FIEPE, Albânio do Nascimento; o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Petrolina (Sindilojas), Joaquim de Castro; o diretor executivo da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Valdivo Carvalho; e o gerente da URSF /FIEPE, Ricardo Miranda.

Albânio do Nascimento elogiou a iniciativa de Alexandre Valença de viajar pelo interior do estado e ouvir os pedidos de políticas públicas que cada região necessita. De acordo com o diretor regional da FIEPE, a destinação de recursos financeiros para capacitação de gerentes e trabalhadores de Petrolina é vantajosa para a região, e lembra que essas iniciativas serão rapidamente efetivadas apenas com o apoio do Parlamento pernambucano. “Não vejo dificuldades porque temos deputados estaduais que se envolvem muito com essas questões, e acredito que, para 2017, teremos uma melhoria na produtividade das empresas”, avalia.

Mais cedo, Valença esteve com os representantes dos setores industrial e comercial no SENAI de Petrolina. A comitiva visitou a instituição com o objetivo de acompanhar o que está sendo realizado por alunos e professores da escola técnica. Ele é presidente do Sindicato da Indústria Metal-Mecânica (Simmepe), conselheiro do SEBRAE Pernambuco e vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE).Clas
Feito por: Bruno Alexandre Web -