Maior festival de artes da região terá três locais com apresentação neste final de semana, em Petrolina - PE


O maior Festival das Artes do Vale do São Francisco segue nesta sexta (12) e sábado (13) com shows e atividades culturais, em três regiões de Petrolina – PE: Orla, Centro e o bairro Rio Corrente.
Na sexta-feira, o Aldeia do Velho Chico apresenta aos espectadores do CEU das Águas, no Rio Corrente, os curtas-metragens produzidos por alunos nas oficinas de vídeos, às 16h. Às 18h, o espetáculo teatral ‘Aboio – Toada Ligeira pra Surubim’, do grupo Proscênio, entra em cena no Palco Bambuzinho (Centro), para contar a história da cidade pernambucana que surgiu de um boi. Às 20h, o público do Teatro Dona Amélia (no Sesc Petrolina) assiste um ‘Recital’ com a psicanalista Viviane Mosé; e segue, às 21h, para o Palco Alternativo, onde poderá conferir a peça ‘Retratos de uma lembrança interrompida’, do grupo de teatro Bela Idade (Recife - PE), que narra a história de quatro personagens que foram militantes pela democracia durante o regime militar.
Já no sábado, o festival ocupa todos os espaços do Sesc Petrolina. Começando às 16h, com o Mercado Cultural (nos corredores da instituição), o ‘Aboio – Toada Ligeira pra Surubim’ (no Salão) e com a ‘Degustação Literária’ (na lateral do teatro), o Aldeia segue, às 17h, com a apresentação ‘Canta Criançada’, do Programa de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) do CRAS do bairro João de Deus.
O lançamento do livro ‘Entre Fadas e outros Bichos’, da escritora Thalynni Lavor, às 18h, na Biblioteca, e o monólogo ‘Camille Claudel’, interpretado pela cearense Ceronha Pontes, às 20h, no Teatro Dona Amélia, dão o tom do segundo sábado desta edição.
Feito por: Bruno Alexandre Web -